Planos de saúde: conta vai ficar mais alta a partir de janeiro

Planos de saúde: conta vai ficar mais alta a partir de janeiro

ara cerca de 20 milhões de usuários de planos de saúde, a conta da suspensão do reajuste anual de 2020, por causa da pandemia, chegará em janeiro. O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) tentou, na Justiça, impedir a cobrança retroativa até que a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) instalasse uma câmara técnica para discutir o tema, mas o pedido de liminar foi negado.

Sendo assim, os boletos que estão chegando na casa dos consumidores, além da mensalidade já reajustada, trazem a cobrança dos valores que deixaram de ser pagos este ano, parcelados em 12 vezes, ou seja, até o fim de 2021.

A fatura também chega para 5,3 milhões de beneficiários que trocaram de faixa etária e tiveram o aumento referente à mudança de idade suspenso de setembro a dezembro deste ano.

Para os que tiveram interrompidos ambos os reajustes, a conta será ainda mais salgada.

Please follow and like us:
Saúde