Aos 58 anos, ator Eduardo Galvão morre vítima da covid-19

Aos 58 anos, ator Eduardo Galvão morre vítima da covid-19

Morreu vítima da Covid-19, na noite desta segunda-feira (07), o ator Eduardo Galvão. Aos 58 anos, ele estava internado há mais de uma semana, na UTI dos Hospital Unimed, no Rio. Ainda não há informações sobre local e hora do sepultamento.

Desde a última terça-feira (01), Eduardo precisou ser intubado por causa de complicações do novo coronavírus (Sars-coV-2). O ator deu entrada no hospital com 50% dos pulmões comprometidos .

Com a repercussão da informações, vários fãs e amigos homenagearam o artista no Instagram. “RIP meu amigo Eduardo Galvão. Mais uma vítima do descaso”, postou no Twitter o ator José de Abreu.

A atriz Dadá Coelho escreveu: “Meu Deus! Partiu nosso grande amigo Eduardo Galvão. Sem chão”. Emocionado, Boninho também se despediu do amigo: “Acabo de receber a noticia que um querido amigo perdeu a luta para a Covid-19. Eduardo Galvão era uma doce e divertida pessoa. Para muitos e so uma gripe, para quem perde parceiros e uma peste grave”, escreveu o diretor.

Carreira

O último trabalho de Galvão na Globo foi na novela “Bom Sucesso” (2019), interpretando o Dr. Machado. Na emissora, o ator era conhecido por trabalhos como o infantil “Caça Talentos” (1996), no qual contracenava com Angélica, e tramas como “Despedida de Solteiro” (1992), “Porto dos Milagres” (2001), “O Beijo do Vampiro” (2002), “Paraíso Tropical” (2007), “Insensato Coração” (2011), “Malhação: Intensa como a vida” (2012).Na TVE, interpretou o pai do Menino Maluquinho, personagem criado por Ziraldo, em 2006.

Eduardo Galvão ainda teve passagens pela Record TV, onde fez parte do elenco de “Apocalipse” (2017), e pela Band, onde fez “Dance Dance Dance” (2007). No GNT e na HBO, participou das séries “Questão de Família” (2014) e “Magnífica 70” (2015).

Please follow and like us:
Celebridades Destaque