Não haverá vacina para todos em 2021, informa Ministério da Saúde

Não haverá vacina para todos em 2021, informa Ministério da Saúde

A pasta explicou que, além de não haver doses disponíveis para todos, determinados grupos não foram incluídos nos testes, como gestantes e crianças. “Nós definimos objetivos (com grupos prioritários) para a vacinação , porque não temos uma vacina para vacinar toda a população brasileira.

Além disso, os estudos não prevêem estar trabalhando com todas as faixas etárias inicialmente, então não teríamos mesmo como vacinar toda a população brasileira”, afirmou Francieli Fontana, coordenadora do Programa Nacional de Imunizações em um evento realizado pelo ministério.


O governo ainda irá definir com mais precisão quais grupos serão prioritários, mas, segundo Elcio Franco, secretário-executivo da pasta, serão levados em conta o nível de exposição ao vírus e o risco de evolução para quadros mais graves da doença.

Ele explicou ainda que, mesmo com a vacinação limitada, os grupos não-vacinados também estarão muito mais seguros.“O fato de determinados grupos da população não serem imunizados não significa que não estarão seguros, porque outros grupos que convivem com aqueles estarão imunizados.

Dessa forma, não vão ter a possibilidade de se contaminar com a doença. É por esse motivo que não vacinamos toda a população, por exemplo, contra a influenza”, esclareceu. A pasta está elaborando um plano nacional de imunização, e deverá compartilhar uma versão preliminar dele com especialistas e secretários de Saúde na próxima terça-feira.

Please follow and like us:
Noticia Saúde