Dente de leite, o que é? Processos e quando procurar um médico

Dente de leite, o que é? Processos e quando procurar um médico

18 de novembro de 2020 0 Por FB

Entenda mais sobre o dente de leite do seu filho, como é o processo de nascimento e também a fase de troca dos primeiros dentinhos.

Durante a infância, passamos pelas mais importantes transformações da nossa vida, por exemplo, o nascimento e a queda do dente de leite. Eles também podem ser chamados de dentes primários ou decíduos.

O dente de leite, certamente, não é um capricho da evolução, e existe por algum motivo.  Em resumo, ele é como um treino para o corpo humano. Eles vem primeiro para que o ser humano se adapte, aprenda a usar, e depois possa usar seus dentes permanentes de fato.



Por ser uma fase difícil, tanto para as mamães, quanto para os bebês, nós separamos todos cuidados que você precisa saber sobre. Como, por exemplo, a fase do nascimento, da queda, além dos possíveis problemas que podem acontecer com o seu pequeno.

Dente de Leite: processos

1. Nascimento

Não há nada mais fofo que o sorriso de um bebê, não é mesmo? Segundo especialistas, esse acontecimento costuma ter início aos 6 meses de idade, e é um dos mais aguardados pelos papais e mamães. Entretanto, a fase dos primeiros dentinhos, tende a ser estressante para os pequenos.

Incômodo, salivação abundante, dor e coceira nas gengivas, são alguns dos sintomas difíceis que os bebês sentem. Para amenizar essas situações, é indicado a realização de massagens: com o dedo limpo e enrolado com gaze, realize moviment circulares, pressionando levemente a gengiva do seu pequeno.

Além disso, é indicado também o uso de mordedores resfriados. É possível encontrar para compra, em farmácias.

2. Troca do dente de leite

Logo depois do nascimento dos dentes, os bebês passam por outro momento: o da troca para os dentes permanentes. É comum que essa fase aconteça entre os 6 e 12 anos de idade.

O primeiro sinal é o amolecimento do dente de leite. Antes de tudo, é imprescindível entender que esta é uma fase natural, é preciso ter paciência e auxiliar as crianças durante as quedas.

Quando devo procurar um dentista?

Foto: Odontoclinic

A princípio, não é preciso levar o seu bebê ao dentista durante a troca do dente de leite. Entretanto, caso algum dos seguintes problemas que serão citados a seguir aconteça, leve o seu pequeno de imediato para um profissional.

Cáries

As cáries são um dos problemas mais frequentes e temidos, pelos adultos e crianças. No entanto, é um acontecimento recorrente e comum na infância, já que os pequenos ainda estão em processo de aprenderem a ter uma rotina de higiene bucal.

É importante estar sempre de olho na boquinha dos seus pequenos, e ao primeiro sinal de uma cárie, como, por exemplo, manchas no dente, dor e incômodos ao mastigar, procure um dentista.

Demora na troca

A fase da troca varia de criança para criança e pode demorar muito. Entretanto, caso você perceba que o processo está demorando mais que o comum, está na hora de procurar um profissional para analisar a situação por meio de radiografias.

Fluorose dentária

O uso em excesso de pastas dentais, pode trazer sérias consequências para a saúde bucal, devido a grande quantidade de flúor presente no produto. Portanto, para identificar se o seu bebê pode estar com fluorose, fique atenta a sinais como manchas brancas ou escuras nos dentes. Logo depois, caso encontre alguma manchinha, procure um dentista.

Erosão dentária

A erosão dentária acontece devido a ingestão de substâncias ácidas. Portanto, para evitar esse problema, é indicado que a criança não consuma produtos como refrigerantes, sucos industrializados e leites fermentados. Entre os sintomas desse problema está a ansiedade, vômitos e refluxos.  

Sensibilidade

A sensibilidade nos dentes é um problema recorrente tanto em adultos, quanto em crianças. Frequentemente, os pais precisam observar com cautela se os filhos estão sofrendo com a sensibilidade dentária. Entre os sintomas que devem ser observados está a reclamação constante para comer e/ou escovar os dentes. Caso seu pequeno apresentar qualquer desconforto, leve-o para um dentista para a realização do diagnóstico.

Então, gostou desse texto? Sobretudo, caso tenha restado alguma dúvida, deixe nos comentários. Ah, e não se esqueça que o melhor cuidado para o dente de leite é, e sempre será, os bons hábitos de higiene bucal.

Fontes: Sorrisologia, Golden Cross,Sorriden.
Fontes das imagens: Orto Gdl, Odontoclinic, Odontobebé, Yomecuido.